Cruzeiro na Costa Brasileira: fazer ou não?

Vale mesmo a pena fazer um cruzeiro pela Costa Brasileira? Aí vão as dicas.

navio

Na verdade, depende muito do seu perfil. A grande vantagem das viagens de navio pela Costa Brasileira, é que comparando com outras viagens que se paga hotel, ela é muito mais barata e recheada de atrações e atividades para todos os gostos. Sem falar em todas as refeições incluídas.

Vamos detalhar um pouco melhor…. Se você tem perfil de uma viagem tranquila, não gosta de agito, aglomeração, muvuca, etc. Então, o cruzeiro no Brasil, não é para você. Você tem que ir preparado para entrar no clima. De preferência, fazendo a viagem com mais amigos, em um grupo, que vai tornar as coisas mais animadas e entrar no clima do cruzeiro.

Outra dica importante, é sobre os enjoos. Se o passageiro é sensível aos balanços do mar, deve sim, ir preparado com uma medicação para isto, e tomá-la assim que sentir qualquer indisposição, pois apesar dos modernos estabilizadores, dependendo da maré, os navios balançam sim! Mas usando a medicação certa e na hora certa, este problema é facilmente resolvido.

Uma coisa que não se pode negar, é que nos cruzeiros não faltam atividades de lazer para os passageiros, seja de dia, ou de noite. Mas fique ligado, pois se quiser um bom lugar à beira da piscina, terá que levantar cedo, pois a piscina fica lotada de gente durante a navegação entre um ponto e outro. No deque da piscina rolam atividades recreativas e brincadeiras. As jacuzzis são disputadas a tapa, mas se tiver paciência, se consegue utilizar também. Fora a piscina, depende do navio, mas tem muitas outras coisas para fazer, como: cinema, fliperama, academia, atividades para crianças, salas de jogos, tobogãs, golf, piscina com ondas para surf….. Então, depende do navio que escolher, mas atividade não vai faltar.

MSC0706084_navio_MSC_Armonia

À noite não é diferente. Todas as noites tem shows nos teatros dos navios e sempre tem festas que entram na madrugada, nos inúmeros bares.Em alguns navios tem cassino também. A janta é uma delícia à parte. Acredito, eu a maioria dos cruzeiros é igual. Uma refeição com entrada, salada, prato principal e sobremesa. A comida é sempre muito boa, e o atendimento muito personalizado na refeição noturna. A gente fica mal acostumado…..

teatrogente

 

cassino

 

Em relação à alimentação no geral, pode-se passar o dia inteiro comendo , se quiser. Sempre tem um restaurante servindo um lanche, ou um chá, fora as refeições regulares. O café da manhã tem muita variedade e o almoço também, embora fique mais no esquema “ bastantão “, e tenha que enfrentar as filas no Buffet.

 

As paradas para os passeios são meio chatas quando o lugar não tem porto, pois os barcos que levam as pessoas para a terra não são muito grandes, leva um tempão pra sair do navio, e depois tem pouco tempo para ficar em terra. Vale pensar se é melhor descer ou ficar no navio e aproveitar os únicos momentos que a piscina fica vazia….. Quando tem porto para ancorar é beleza, pois é rapidinho pra sair e se aproveita todo o dia de passeio.

Então, resumindo, este tipo de passeio tem suas vantagens e desvantagens e depende muito do perfil do viajante e do tipo de viagem que quer fazer. As vantagens são: valor da viagem, muita diversão e atividade, comida boa e farta, conhecer vários lugares num curto período de tempo. As desvantagens são: muita gente junta num lugar só, ter que se matar por um lugar ao sol na piscina, muvuca, dependendo de maré,os balanços do navio, que podem causar enjoo em alguns, e pouco tempo para conhecer os lugares de parada. Você decide!!